De tudo um pouco

Divagações, opiniões, reflexões, livre-pensar…

A dinâmica da vida

Posted by Marcelo Dutra em terça-feira, 10 fevereiro 2009

A vida é um evento temporal. Tem início, meio e fim. Porém este cronograma não é tão definido em termos de datas. Alguns marcos são importantes para seu acompanhamento. O primeiro deles é o nascimento, marco inicial. O último é o óbito, marco final. Entre os dois existem diversos outros, que registram fases ou etapas vencidas: 18 anos, marco de passagem para a vida adulta. 30 anos, marco de plenitude. 50 anos, marco de maturidade. Existem outros marcos não ligados à idade. Casamento, formatura, bodas (de prata, de ouro, de jade, de diamente). E existem os rituais, que acho importantes, que dão forma a cada um dos marcos. Também existem os marcos de tristeza, que representam eventos inesperados e indesejados. Estes seriam as grandes perdas, as derrotas, as dificuldades. Separações conjugais, separações de filhos, desemprego, crises financeiras, acidentes de saúde.

No post anterior contei sobre a festa de Bodas de Jade dos meus pais. Logo após o evento, na véspera do Natal, meu pai sentiu problemas de saúde que o levaram a uma cirurgia cardíaca no dia 7 de janeiro, quando implantou uma ponte de safena e uma de mamária. Há 15 anos ele havia se submetido a uma cirurgia semelhante, implantando na época duas pontes de safena. Desta vez a cirurgia foi mais delicada e apresentou risco muito maior, em virtude da idade avançada (85 anos).  Estas duas cirurgias exemplificam o que chamo de marcos de tristeza. Dia 7 de fevereiro fêz portanto um mês desde a última operação, sendo mais um marco, desta vez de alegria. Alegria porque significou uma vitória de vida, demonstrada pela excelente recuperação pós-operatória. Ainda encontra-se em repouso e observação, é verdade, mas suas condições clínicas são muito boas, não existem sequelas, a cicatrização está absolutamente normal e não ocorreram infecções. Aguardei todo este mês para poder escrever o que estou escrevendo agora.

Estas foram as razões para o título deste texto. A dinâmica da vida mostra-se imprevisível. Dias alegres sequenciam dias tristes e vice-versa. A vida mostra, em curto período de tempo, toda sua fortaleza e toda sua fragilidade. Mas é necessário que o depositário desta vida faça sua parte, não se entregando e buscando no mais profundo interior forças para lutar pela dádiva maior que é a vida.

Em nome da família, quero expressar nosso agradecimento a todos que de alguma forma contribuíram para este sucesso. Os médicos e toda a equipe médica de apoio. Os amigos que contribuiram com solidariedade, conforto e orações. Os irmãos e parentes que acompanharam diuturnamente as difíceis horas da cirurgia e do pós-operatório na UTI. E Àquele que tudo vê e tudo sabe, que determinou não ser ainda a hora do marco final.

Abraços…Marcelo

About these ads

9 Respostas to “A dinâmica da vida”

  1. Marconi Dutra said

    Marcelo,

    Acho que você expressou muito bem os sentimentos da família nos dois momentos distintos e marcantes – a festa das Bodas de Jade, e o problema de saúde do papai. Só acho que você se equivocou na data, pois dia 6/jan é dia do meu aniversário e a cirurgia foi dia 7/jan/09.
    Estamos felizes com a rápida recuperação do papai, e com certeza êle estará em plena atividade nos próximos meses.

    Marconi

  2. Marcelo Dutra said

    Caro Marconi
    De fato, confundi as datas, dado importante quando falamos de marcos. Agradeço a observação e comunico que fiz a devida correção. Marcela também me chamou a atenção pela redundância no texto “Há 15 anos atrás”, outra observação perfeita e também devidamente corrigida.
    Abraços…Marcelo

  3. Marco Aurelio said

    Marcelo

    Gostei bastante das suas colocações em relação aos marcos como em relação a esta etapa bem sucedida da vida do papai.
    Estamos todos muito felizes com a evolução e recuperação do papi e reforço aqui o agradecimento a todos que de uma maneira ou outra contribuiram para o sucesso de sua cirurgia.

    Abraços

    Marco Aurelio

  4. Marcelo Dutra said

    Oi Mano
    Graças a Deus parece que o sufoco maior já passou. Sei da sua forte participação no processo de recuperação, principalmente depois que nós saímos. Sua ajuda foi e continua sendo imprescindível.
    Um grande abraço…Marcelo

  5. Vicente Dutra said

    Queridos filhos
    É fácil,muito fácil,por ser suspeito,elogiar pessoas como vocês, e enaltecer suas múltiplas qualidades; mas nada é tão gratificante como receber um abraço carinhoso,um beijo, palavras de apoio e uma estima incondicional como a que vocês tem me proporcionado. A solidariedade de vocês sempre foi a grande força que tem alavancado minha existência; A infinita estima que sinto por vocês e o seu integral devotamento foi,neste momento,o grande fator que rehabilitou minha vida,qu estava a apenas alguns milímetros da eternidade.Recebam vocês a minha homenagem e o meu reconhecimento pelo desprendiment e total solidariedade com que se houveram para comigo,no momento que de fato mais carecia.Realmente com o coração pleno de humildade e bastante emocionado agradeço a todos e peço ao nosso criador que os proteja e abençoe e que meus netos sejam para voces o que voces tem sido para comigo e para a minha dedicada,incansável e incomparável companheira,sua grande mãezona.beijos carinhosos de seu pai, Vicente Dutra

  6. Marcelo Dutra said

    Papai
    A gente só colhe o que planta. E às vezes nem colhe, se após plantar não regar e cuidar continuamente da plantação. Não acredito que as coisas acontecem por acaso, e sim que porque foram criadas as condições para que ocorressem. Nossa atitude não poderia ser diferente face ao carinho e respeito que pautou toda a nossa existência.
    Que Deus abençoe o Senhor e Mamãe e continue nos brindando com a alegria de sua convivência.
    Muitos beijos…Marcelo

  7. ritinha said

    Marcelo querido,
    muito bom passar por aqui, quando já se foram todas as angustias e inseguranças, quando todos dessa família tão querida, estão felizes firmes e fortes.quanto amor sentido uns com os outros. acompanhei tudo, da preparação da festa até a recuperação do dr Vicente. Hoje fui visitá-los, a casa mãe sempre muito acolhedora, foi um fim de tarde maravilhoso. Muitos abraços, muitas conversas.Vimos os retratos, que família bonita! São momentos eternos. Encontramos também a Mana e o Marco Aurelio. Logo marcaremos um encontro aqui em casa. William gostou muito de conhece-los.
    Beijos pros meninos e para a Edna.
    ritinha

  8. Marcelo Dutra said

    Oi Ritinha
    Sua presença só nos traz mais alegria. Sei dos problemas de saúde que você também atravessou com o William. A vida nos prega alguns sustos mesmo. Obrigado pelo acompanhamento e solidariedade, coisa aliás que em se tratando de você não é nenhuma surpresa. Você nos transmite paz e harmonia.
    Que Deus guarde muito bem você e todos que lhe são caros.
    Beijos…Marcelo

  9. marcia said

    Marcelo meu querido,
    Ha tempos nao passava por aqui e hoje tenho a grata surpresa de encontrar suas palavras, os comentarios, enfim esse carinho abundante que nos alimenta. De fato, esses ultimos meses foram de fortes emoções. Vivemos a alegria das bodas, da reuniao da fmailia na praia, dos encontros com os amigos que ha mto nao encontrávamos e vivemos também com muita intensidade o medo, a apreensão, para em seguida explodir de alegria e celebrar a vida. Em um curto espaço de tempo testamos a nossa capacidade de nos adaptarmos a novas situações e saimos vitoriosos e fortalecidos porque permanecemos unidos. Paizinho está forte, recuperado e pronto pra seguir a vida sabendo que estamos a seu lado. Nesse processo, assumimos com responsabilidade, mesmo que temporariamente, a troca de papeis que mais dia menos dia os ciclos da vida nos obrigam a realizar.E aí todos voces se revelaram lindamente, pais preocupados, zelosos e dedicados. Cada um a seu modo esteve perto e presente, fazendo com que ele sentisse amado e seguro, ingredientes indispensaveis para sua rapida recuperaçào.É meu irmão, os fios que tecem a rede da nossa familia sem duvida estao mais fortes e as cores mais firmes.E tomara que ela nao seja apenas forte, mas que também se amplie, com os novos pontos e nós feitos pelas novas familias dos nossos filhos, sendo a proteção, o amparo e o porto seguro que precisamos para vencer todos os desafios.
    Aproveito o periodo da pascoa para brindar com voces a boa saude e a vida que renasceu em paizinho. Tim Tim!!
    Te amo. Beijo,
    Marcia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: